Este humilde blog tem posts dede 2005. Na verdade este site é muito mais antigo pois existia uma versão previa dele que era uma bagunça só. Era diversão. Aproximadamente em 2008 parei de postar. Trabalho, vida, clientes, alunos e várias outras coisas ganhavam mais atenção que o blog. Natural termos que fazer escolhas, mas sempre fiquei triste de não poder voltar a escrever. Adoro escrever apesar de não ser tão bom nisto. O Gosto por escrever está relacionado com a vontade de ensinar. Sempre curti ensinar as pessoas. Vejo nisto um processo parecido com a caverna de Platão e para o marketing digital isto até hoje é muito importante. Já vi livros escritos com erros, jabás em livros, artigos manipulados e diversas coisas que me motivavam a continuar e me motivam por incrível que pareça até hoje, mas a verdade é que temos todos que trabalhar e nem sempre sobra o tempo para criar coisas novas, descobrir padrões e encontrar as principais dificuldades.

Quero voltar a escrever, mesmo que em menor quantidade tanto em caracteres como em vezes, mas poder continuar a transmitir conhecimento. Mas por que o título do post é uma viagem no tempo? Vejo como o mercado amadureceu e se tornou melhor, mas os mesmos problemas do inicio ainda acontecem. Focando na viagem do meu ponto de vista, eu percebo o crescimento e a maturidade que consegui. A experiência é algo maravilhoso, mas não pode passar por cima da criatividade. O nosso mercado está em plena construção e novos elementos vão sempre exigir que mudemos constantemente. Também precisaremos ser criativos para poder ir além. O diferencial é e sempre foi a inovação. Então este post é como uma viagem do que eu era e o que sou agora. É o gap, intervalo, a quebra que só consegue ser vista depois de acontecida. Gostei de 2012.