Archive for March, 2008

Walter Longo da Y&R é o moderador e começa lançando uma pergunta inicial que é qual o siginifica de tesarac. Ele começa afirmando que a mídia digtal vem atraindo a atenção, porém ao investimento não cresce na mesma velocidado.
Ele associa o momento que vivemos falando que os consumidores sobem pelo elevador e as agências pela escada.
Tesarac é um momento de grande transformação. Ele menciona que nestes momentos pode ser necessário destruir para então construir. A internet está destruindo as fórmulas antigas, pois é um canal novo. Ele afirma a importância de mensurar. Chega de usar apenas pageview e unique users. Isto incorre o risco da mídia digital mudar de extraordinária para ordinária.
A TV tem perdido muita força nos EUA. No Brasil ainda é tímido este comportamento, mas estamos seguindo nessa linha.

Bob Garfield

Bob Garfield inincia falando em portugues. Ele fala sobre o momento que ainda vivemos. Fala das mídias tradicionais como rádio, TV ainda agem da mesma forma. Cita como as coisas mudam, como o cidade limpa em São Paulo e fala que até um planeta pode deixar de ser um planeta. As coisas mudam.
A MTV que era uma mutante em sempre ser o canal referencia para os jovens começou a perder força para os vídeos online. A revista Time tem demitido muitos funcionários. Falou que enquanto isto, outras empresas estão fornececendo series online sem custos. Enquanto isto as redes de televisão tem perdas e em contra partida YouTube cresce com um modelo de publicidade e também cita os gravadores de TV DVR que também crescrem quase que exponencialmente.
A mudança é quase como aprender outro idioma já que você precisa aprender palavras novas, uma gramática nova. Temos que criar e usar metodos próprios para a web.
A mídia é como Ying Yang, tem que se completar. As TVs estão perdendo força e devido a esta fugas dos anúncios com DVR. A publicidade não será mais apenas comerciais engraçados, mas um jeito novo de se relacionar com o consumidor.
O consumidor agora procura na web por opiniões sobre empresas e produtos para seu processo de decição de compra. Cita que as pessoas estão gastanto milhões em buscas e planejam gastar também em redes sociais.
Continua citando como terceiro item que o consumidor está no controle. Falou que optin e-mail são muito mais confiáveis que comerciais de TV ou rádio. (Eu já tinha cantado a peça) Entenda que a escolha está na mão dos consumidores.
Uma tendencia são os micropagamentos. Eles facilitarão a tendência do Pay Per View onde o usuário compra somente quando precisa e o que precisa.

Perguntas
Na decada de 80 as agências é que definiam o caminho e depois os anunciantes e veículos. O que mudou?

Contou uma historia sobre o six flags que queria distribuir Muitos coupons promocionais (40 mil tickets), a equipe discutia de que forma eles poderiam fazer isto pensando coisas como alugar aviões para lançar coupons na praia e outras formas de distribuir tantos coupons. Durante o brainstorm, o mais junior da equipe que não tinha falado, saiu da sala e retornou alguns minutos avisando que já tinha conseguido distribuir todos os coupons. Ele falou para todos que havia apenas anunciado na Craiglist e rapidamente esgotou tudo. a dúvida é como a agência vai ganhar dinheiro nesta fórmula: acho que não ganha.
Surgem outras perguntas na linha de mídia nova versus mídia velha, modelo de ganho das agências e só para complementar ele chega ao ponto de esquecer uma das perguntas devido a longa resposta.

É… faz tempo eu sei, mas o blog volta timidamente para cobrir um grande evento. O Proxxima 2008. Serão dois dias de palestras variadas e tentarei fazer uma cobertura em tempo real do evento. O maior problema do evento é o preço salgado, mas a web está aí para isto, compartilhar informação. Então estejam preparados para saber das novidades por aqui em primeira mão. Valeu a pena esperar.

Cobertura dia 1

Cobertura dia 2

Outras coberturas: